Babalith

De KorvusWiki
Ir para: navegação, pesquisa

Babalith é um projecto português da Margem Sul entre o Dark Ambient, o Experimental, o Noise e o Psicadélico. O projecto surgiu em 2008, após um Live Act no Espaço Reflexo de Aeolia Capitolina, Hyaena Reich e Orryelle Defenstrate Bascule, indo buscar influências às ideias daí absorvidas. O objectivo deste projecto era criar música que causasse estados alterados de consciência através da experiência sonora tanto como denunciar as obsessões religiosas e civilizacionais, abrindo ao mesmo tempo caminho para uma nova forma de fazer música. As principais influências nascem do ambient, da música étnica e dos sons do dia-a-dia, apesar de em 2011 Babalith vir a beber do Psy-Trance.

Em Babalith surgem por vezes convidados vários, como professores de línguas mortas e de instrumentos tradicionais. 2009 recebe Babalith em algumas rádios, como a Silver Star Radio, e materializa-a em DVD pela SilkMilk. Babalith começa um processo de ilustração sonora de poemas e performances, tendo o artista Albano Ruela na Vídeo Arte. Em 2010 o álbum "Le Musqueé du Pape Femme" é lançado pela Necrosymphonic e Babalith recebe, no geral, a divulgação da Associação de Artes "Abismo Humano".

Trabalha então vastamente com a experimental "Korvustronik Netlabel" e os seus projectos e assina mais tarde exclusividade, sob o nome original de Babalith, com a editora de música ritual "Sombre Soniks".


Ano de formação:

  • 2008


Editora/Netlabel:

  • Abismo Humano label
  • Sombre Soniks


Membros

  • André Consciência - todos os instrumentos


Discografia

EPs (formato digital)

  • 2010 - A. A. A. [Nota: Parceria de André Consciência, Aquilária Insua e Albano Ruela] (Dezembro)

Álbuns (formato digital)

Cassete (formato físico)


Álbuns de colaboração (formato digital)

Compilações (formato físico e digital)

Ligações externas


Rádios apoiantes

Entrevistas